Estande do governo na Feira Agropecuária do Baixo Amazonas reúne 14 órgãos

13/08/2019 23h13 - Atualizada em 14/08/2019 11h31
Por William Serique (GABGOV)

O governador Helder Barbalho viu os serviços oferecidos no Espaço de Apoio ao ProdutorConsiderada a maior do segmento na região, a Feira Agropecuária e Agroindustrial do Baixo Amazonas, que está em sua 42ª edição, recebeu na noite desta terça-feira (13) a visita do governador Helder Barbalho, acompanhado do prefeito de Santarém, Nélio Aguiar. Realizada de 12 a 18 de agosto no Parque de Exposições Governador Alacid Nunes, na sede municipal de Santarém, a Feira tem mais de 70 expositores dos segmentos rural, comercial, de serviços e educacional. A expectativa dos organizadores é receber mais de 200 mil visitantes nos sete dias de evento, já que o acesso à área de exposição é livre.

Helder Barbalho e outras autoridades visitaram vários estandesO governador visitou vários estandes e o Espaço de Apoio ao Produtor, que integra a Feira, e tem representantes de 14 órgãos do governo do Estado: secretarias de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas), de Pesca e Aquicultura (Sedap), da Fazenda (Sefa) e de Saúde Pública (Sespa); Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater); Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade (Ideflor-Bio); Banco do Estado do Pará (Banpará); Agência de Defesa Agropecuária (Adepará); Programa Pará Rural; Instituto de Terras do Pará (Iterpa); Polícia Militar; Polícia Civil; Corpo de Bombeiros Militar do Pará e Centro Regional de Governo.O governador Helder Barbalho e comitiva no Espaço de Apoio ao Produtor

Na ocasião, o governador recebeu do Sindicato Rural de Santarém (Sirsan) a “Ordem dos Cavaleiros da Produção Rural”, em reconhecimento pelos relevantes serviços e visão de futuro para o desenvolvimento da agricultura, em especial na região do Baixo Amazonas.

Também integraram a comitiva que visitou a Feira Agropecuária a primeira-dama do Estado, Daniela Barbalho; os titulares da Sedap, Hugo Suenaga; da Sedop, Ruy Cabral, e da Companhia de Portos e Hidrovias, Abraão Benassuly, além da secretária adjunta de Comunicação, Vera Oliveira.