Mais de 7.700 policiais militares estão nas ruas durante as 13 romarias

12/10/2019 21h57 - Atualizada em 13/10/2019 17h29
Por Tayná Horiguchi (COSANPA)

A PM do Pará ampliou o efetivo para garantir a tranquilidade de todos os participantes do CírioPela sua grandiosidade, a Festividade de Nazaré requer um grande esquema de segurança pública para garantir a integridade de milhões de pessoas. Na 227ª edição do Círio de Nazaré, a Polícia Militar mobiliza mais de 7.700 agentes de segurança nas 13 romarias - 2 mil policiais a mais que em 2018. Parte desse efetivo estava nas ruas na noite deste sábado (12), durante a Trasladação, quando a Imagem Peregrina é conduzida do Colégio Gentil Bittencourt até a Catedral Metropolitana de Belém. Um momento especial antes do Círio, que contou com a participação do governador Helder Barbalho, que assistiu à passagem da romaria ao lado da família e de outras autoridades do Executivo, Legislativo e Judiciário, na estrutura montada na Estação das Docas.As viaturas estão em ronda constante pela Região Metropolitana de Belém

Mesmo não estando em serviço, o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Dilson Júnior, supervisionou a ação da PM na procissão. “A gente já vem planejando (as ações para o Círio) há mais de três meses, conversando com a Diretoria da Festa. É a nossa maior operação do ano. São 7.721 policiais envolvidos em todas as procissões. A gente conseguiu reforçar, e ainda economizar R$ 502 mil. É um momento de renovar a nossa fé, e nós, da área da segurança, temos muito a agradecer por todas as bênçãos. Temos muito a agradecer, até porque o trabalho tem sido muito bem feito, com nove meses consecutivos de redução nos índices de criminalidade, tanto no roubo quando homicídio, latrocínio. Tem sido motivo de orgulho, e nada mais justo do que agradecermos à nossa Mãe”, declarou o comandante-geral.

Durante a Trasladação, o governador Helder Barbalho cumprimentou romeiros, motivou quem estavam na corda e se emocionou quando a Imagem Peregrina passou. Para ele, é o momento mais especial para o povo paraense, quando milhões de romeiros estão juntos por uma única causa. “Desejo que sigamos sempre o caminho da fé, que é um dos nossos diferenciais. Peço que Nossa Senhora de Nazaré continue abençoando nossos lares, e desejo a todos um Feliz Círio”, declarou o chefe do Executivo.

O efetivo da PM está presente nas 13 romarias da Festividade de NazaréPela primeira vez acompanhando o Círio de perto, o secretário de Articulação da Cidadania, Ricardo Balestreri, que nasceu em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, disse que também tinha motivos para agradecer. “O governo quer que os próprios cidadãos sejam os protagonistas, que as pessoas assumam o controle das suas vidas e do seu destino. Estamos oferecendo mais oportunidades para as pessoas usarem  criatividade e crescerem na vida”, ressaltou o secretário.

Grande festa - Já o secretário de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Mauro O’ de Almeida, tem uma relação próxima com a festa religiosa. “Sou suspeito para falar. Além de ser paraense, o envolvimento da minha família sempre foi muito grande. Eu me emociono demais com o Círio, eu vivo o Círio, me motivo com o Círio. Pra mim, é a grande festa dos paraenses, da família e da cultura do Pará. Eu espero que os próximos anos sejam de bonança para o meio ambiente, que a Semas seja uma indutora para outras áreas, da economia, da infraestrutura, da logística, para que possamos fazer um grande programa de desenvolvimento sustentável”, frisou o titular da Semas.

A secretária de Planejamento e Administração, Hana Ghassan, declarou que “hoje é um dia muito especial porque estamos conseguindo atingir nossas metas”, acrescentando que a administração estadual “é voltada para a população. O nosso trabalho é em cima de metas que melhorem a vida das pessoas. A gente vem trabalhando nesse sentido, pensando no desenvolvimento do Estado, em obras de infraestrutura que, de fato, melhorem a vida da população, no sentido de geração de emprego, de melhoria na mobilidade urbana. O ‘Territórios pela Paz’ (TerPaz), por exemplo, é um projeto do qual a gente se orgulha muito, porque lida diretamente com as pessoas. É um projeto que muda a vida da população. Nada terá valor - em termos de políticas públicas - se não pensarmos em cuidar das pessoas”.

Agradecimento também foi a palavra usada pelo secretário Hugo Suenaga, titular da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca (Sedap). “É o momento de agradecer. Tivemos a oportunidade, este ano, de trazer uma feira da agricultura familiar nessa época do Círio, junto com movimentos sociais. Fizemos em São Brás, onde o próprio agricultor vivenciou o Círio e vendeu seu produto. Queremos este Círio, cada vez mais, ajudando a população, com geração de emprego e renda”, disse o gestor da Sedap.A PM executa o esquema de segurança em parceria com outros órgãos estaduais e municipais

Entre os convidados estava o promotor de Justiça Waldir Macieira, que destacou a importância das políticas públicas desenvolvidas pelo governo do Estado. “Acredito que nós estamos passando por uma nova fase, uma nova visão de como administrar o Pará. Na área em que atuo, a atenção à pessoa idosa, com deficiência, área da saúde mental, uma iniciativa louvável foi a criação do grupo de trabalho para pensar em um centro direcionado à pessoa autista”, afirmou o promotor.

A Trasladação é a quinta romaria, e antecede o Círio, que ocorrerá na manhã deste domingo (13), com saída da Catedral Metropolitana de Belém em direção à Basílica Santuário de Nazaré.