Hospital realizou mais de 170 exames de prevenção ao câncer de mama

Ações ocorreram em parceria com Secretarias de Saúde de cinco municípios

30/10/2019 09h39 - Atualizada em 30/10/2019 12h40
Por Adrielle Sousa (HMIB)

Foram beneficiadas mulheres de Abaetetuba, Mocajuba, Goianésia, Igarapé Miri e Cametá, que compõem a Região do Baixo TocantinsCom o intuito de apoiar a causa do Outubro Rosa, movimento mundial de conscientização sobre o câncer de mama, o Hospital Materno-Infantil de Barcarena Dra. Anna Turan (HMIB) promoveu, ao longo deste mês, seis mutirões de saúde. Ao todo, foram ofertados gratuitamente mais 170 exames, incluindo mamografia, raio X e eletrocardiograma. O objetivo foi prevenir e diagnosticar precocemente a doença.

As ações ocorreram em parceria com as Secretarias de Saúde dos municípios de Abaetetuba, Mocajuba, Goianésia, Igarapé Miri e Cametá, que compõem a Região do Baixo Tocantins.

Além dos exames, foram realizadas palestras com especialistas, dinâmicas e ginástica laboral, além de rodas de conversa sobre distúrbios mentais com as usuárias, destacando a importância do diálogo sobre o tema, uma vez que a descoberta e tratamento da doença podem causar abalo emocional.

"Sabemos que receber a informação de um diagnóstico de câncer de mama não é fácil, ainda mais para mulheres que vivem em locais de difícil acesso, e que encontram poucas oportunidades para se cuidar. Uma palavra de apoio, uma atitude sincera e até mesmo um abraço podem fazer a diferença e motivar essas mulheres. Portanto, além de exames, também oferecemos apoio emocional para que se sintam acolhidas de forma humanizada”, afirmou a terapeuta ocupacional da unidade, Djeyseanne Duarte.

A enfermeira Nadja Varão, responsável pela organização dos atendimentos e exames laboratoriais, acrescenta que o diagnóstico precoce é o maior aliado para o tratamento eficaz do câncer de mama. "Quando identificada cedo, a doença pode ser tratada, impedindo que o tumor alcance outros órgãos. O câncer de mama pode ser detectado em fases iniciais, aumentando as chances de tratamento e cura. O autoexame tem o papel fundamental nesse processo", reitera.

Mamografia, raio X e eletrocardiograma foram ofertados gratuitamente pelo Hospital de BarcarenaA triagem de pacientes foi realizada a partir de agendamento no Sistema de Regulação (Sisreg) de cada município. Os exames foram destinados às mulheres a partir dos 40 anos, que apresentaram cópia e originais da carteira de identidade, cartão do SUS, comprovante de residência e encaminhamento do médico.

"Nas unidades de saúde municipais, mulheres com idade entre 40 e 70 anos são selecionadas através do rastreamento. Fazemos questionários, além da consulta com médicos e enfermeiros, para ter um filtro de acordo com o histórico das pacientes e critérios de cada caso. A partir disso, fazemos cadastros dessas usuárias no Sisreg, o que permite o encaminhamento ao Hospital Materno-Infantil de Barcarena, que tem sido um parceiro essencial do município, e tem feito muita diferente na vida dessas mulheres", ressalta o enfermeiro regulador da Secretária de Saúde de Cametá, Renato Redig.

Sobre o Materno-Infantil de Barcarena
Inaugurado no dia 21 de setembro de 2018, o Hospital Materno-Infantil de Barcarena Dra. Anna Turan está localizado na cidade de Barcarena, no Pará, 114 km distante da capital Belém. Mantida pelo governo do Estado, é uma unidade hospitalar pública que atende média e alta complexidades. O público alvo são mulheres gestantes e recém-nascidos. Sua abrangência inclui 11 municípios do Baixo Tocantins: Abaetetuba, Barcarena, Igarapé-Miri, Moju, Baião, Cametá, Limoeiro do Ajuru, Mocajuba, Acará, Ponta de Pedras e Oeiras do Pará.