Governo entrega cestas de alimentação a pescadores do Marajó

Ao todo já foram entregues cerca de 10 mil cestas de alimentos. Ação faz parte das estratégias do Governo para reduzir o impacto da crise provocada pelo novo coronavírus

08/06/2020 14h40 - Atualizada em 08/06/2020 15h45
Por Paulo Garcia (SEAC)

Dando continuidade as ações de combate à pandemia ocasionada pelo novo coronavírus, o Governo do Pará, por meio da Ouvidoria Geral do Estado, está enviando 260 cestas de alimentação a pescadores dos municípios de Oeiras do Pará, Ponta de Pedras e Anajás, no Marajó.

O objetivo é atender os pescadores artesanais e extrativistas da região que estão enfrentando dificuldades com a atual situação de isolamento social no Estado. “Nós sabemos o quanto está sendo difícil nesse momento de pandemia e o Governo do Estado vem, a cada dia, reforçando as ações para diminuir o impacto na vida das pessoas, na vida dos paraenses. Por isso, em parceria com a iniciativa privada, estamos levando alimento para essas famílias que estão em vulnerabilidade social. Vamos permanecer firmes, lutando para que essa categoria de pescadores artesanais tenha atenção necessária e possa manter a sua qualidade de vida”, contou Arthur Houat, ouvidor-geral do Estado.

Para o presidente do Sindicato dos Pescadores do Pará, Manoel Justino Junior, esta parceria veio a somar e ajudar muitas famílias. “Nesse momento que nós estamos passando por tanta dificuldade, cabe a nós, enquanto representante dos pescadores, buscar ajuda para uma parcela desses trabalhadores que estão com problemas, tanto para receber seu benefício social, quanto para exercer a sua profissão, então essas cestas de alimentação são de extrema importância. Gostaria de agradecer ao Governo e aos parceiros que estão contribuindo com essa ação que vai ajudar muitas famílias”, disse.

“A necessidade dessa categoria é muito grande, o impacto causado pelo coronavírus foi muito forte e estamos sentindo até agora. Essa iniciativa vai ajudar muitas famílias, essas cestas vão beneficiar muitas pessoas... Em nome das mulheres pescadoras só temos agradecer”, contou Elionor Ribeiro Malato, representante das mulheres pescadoras.

Ao todo já foram entregues cerca de 10 mil cestas de alimentos e essa faz parte das estratégias do Governo para reduzir o impacto da crise provocada pelo novo coronavríus. Na próxima quarta-feira (10), será realizada a entrega das cestas de alimentação aos pescadores da região de Mocajuba, Baião e Tucuruí.