Setran conclui obras na pista do aeródromo de São Félix do Xingu

Foram executados serviços de drenagem e terraplanagem na nova pista, que foi expandida e conta agora com 1.600 metros de extensão por 30 metros de largura

16/10/2020 09h49 - Atualizada em 16/10/2020 13h53
Por Kátia Aguiar (SETRAN)

Nova estrutura vai facilitar o deslocamento da população da região e de quem precisa ir ao municípioO governo do Estado entrega, em breve, para a população de São Félix do Xingu, a reconstrução e ampliação da pista de pouso e decolagem do aeródromo (aeroporto) do município, na região do sudeste do Pará, que já está pronta. Foram executadas as obras de drenagem e terraplanagem na nova pista de pouso, que foi expandida e conta agora com 1.600 metros de extensão por 30 metros de largura.

Segundo o titular da Secretaria de Estado de Transportes (Setran), Adler Silveira, o novo aeródromo facilitará o deslocamento da população de São Félix do Xingu e da região do sudeste do Estado, para cidades mais distantes do município, como a capital do Pará, Belém, que está a mais de mil quilômetros de distância.

“São obras que, além de encurtar distâncias, fomentam a economia, alavacam o turismo, gerando riqueza e, consequentemente, emprego e renda para a população do nosso Pará” - Adler Silveira, titular da Secretaria de Estado de Transportes.

São Félix do Xingu é um dos maiores municípios da região sudeste do Estado, com população estimada em mais de 128 mil habitantes. A cidade lidera o ranking brasileiro de município com mais cabeças de gado do país, com 2,2 milhões de cabeças.

Para desenvolver a infraestrutura viária do município de São Félix do Xingu e trazer desenvolvimento para a região e todo o Estado, a Setran também investiu em serviços de manutenção e conservação da PA-279 ao longo do último ano. A rodovia é o principal acesso à cidade.