Novos contratados fortalecem o acolhimento nas unidades da Fundação ParáPaz

Os servidores foram recepcionados pela direção do órgão, nesta quarta-feira (4), e já começam a atuar profissionalmente nesta quinta-feira (5)

05/05/2021 16h11 - Atualizada em 05/05/2021 16h37

Presidente da ParáPaz, Alberto Teixeira: "Estaremos sempre em busca dos meios necessários para a plenitude de suas atividades". Os novos servidores aprovados no Processo Seletivo Simplificado (PSS) realizado pela Fundação ParáPaz, foram recepcionados com entusiasmo na manhã de quarta-feira (05). O encontro aconteceu no auditório da ParáPaz Mulher, uma das unidades de atendimento, no bairro do Marco, em Belém.

O momento foi fundamental para apresentar a atuação do órgão no Estado e como o trabalho é exercido em cada unidade. Diretores e coordenadores deram as boas-vindas juntamente com o presidente da Fundação ParáPaz, Alberto Teixeira, que reiterou a importância das recentes contratações na fortificação do acolhimento aos usuários que requer psicólogos, assistentes sociais, auxiliares administrativos, professores, técnicos, entre outros. 

“É uma enorme satisfação tê-los aqui para compor a nossa equipe. É importante entender o trabalho desenvolvido com as vítimas de violência, que podem ser crianças, jovens e mulheres, para que possamos atendê-las de forma humanizada, como já vem sendo feito nas unidades e polos. Estaremos sempre em busca dos meios necessários para que vocês desenvolvam com plenitude suas atividades. Contem conosco”, comentou. 

A programação de boas-vindas aos novos servidores mostrou uma esquete teatral sobre violência doméstica para orientação da equipeDurante a cerimônia, uma esquete teatral sobre violência doméstica foi apresentada com o objetivo de demonstrar, na prática, os procedimentos realizados neste caso, e ao final da programação todos os participantes assinaram o contrato de trabalho, que já inicia nesta quinta-feira (06).

A psicóloga Beatriz Souza, conta que ficou atenta a tudo que foi repassado e ansiosa com o novo desafio. “Tenho muita experiência e facilidade pra lidar com esse público. Já conhecia a atuação da ParáPaz e estou na expectativa para por em prática minhas experiências e contribuir com o trabalho”, afirmou a recém contratada. 

Por Nathalia Mota (PARAPAZ)