Governo leva atendimento médico de qualidade a Mocajuba 

“Cidadania por Todo o Para” garante prestação de serviços, esporte e cidadania

23/07/2021 11h48 - Atualizada em 23/07/2021 12h29

Pelo segundo dia, o Governo do Pará, por meio do projeto  “Cidadania por todo o Pará", garante o acesso a serviços essenciais à comunidade de Mocajuba, na região nordeste do Estado. Na manhã desta sexta-feira (23), uma fila de mães se formou em frente à Escola Municipal Instituto Nossa Senhora, onde está o estacionado ônibus ambulatorial da Secretaria de Estado de Saúde Pública (SESPA). 

No veículo que leva esperança e qualidade de vida por todo o Pará, são oferecidas consultas médicas com clínico geral, pediatra e ginecologista, bem como a regulação para consultas, exames e cirurgias especializadas, a realização de palestras sobre saúde bucal, testes rápidos de Sífilis, Hepatite B e C, HIV, IST, Covid-19 e RT-PCR, como também vacinas contra H1N1, HPV e tríplice viral (sarampo). 

Dona Arlete Braga aguardava ansiosa pela consulta das duas netas: “Ontem eu vim aqui e consegui uma consulta com a ginecologista. E ela me informou que vou precisar fazer uma pequena cirurgia. Só não vou sair daqui com a consulta, mas também com o encaminhamento e a cirurgia marcada. O atendimento foi excelente. Aqui na cidade nós não contamos com essa especialidade, apenas pela internet, então esse tipo de ação é importantíssima para a gente. Desde o atendimento da triagem, as fichas, tudo muito rápido. Eu gostei tanto que estou trazendo as minhas nestas hoje para serem consultadas. O Governo está de parabéns e podem vir mais!”, disse a dona de casa.

De acordo com a pediatra Niedja Cunha, uma das responsáveis pelo atendimento infantil, a grande parcela do público que está procurando atendimento vai em busca informações quanto à alimentação infantil, sobretudo, nos primeiros meses de vida: “Muitas mães vêm até aqui com resultado de exame, que não conseguiram fazer. E muita gente atrás de informações sobre a introdução alimentar. Isso é triste, pois são pessoas que não têm acesso ao especialista que consiga dar essa orientação. Até os 6 meses, por exemplo, a alimentação e exclusiva de leite materno. Após isso, frutas e comidas leves. Isso é o básico para garantia mínima de saúde”, disse a médica.

A esteticista Carmem Costa saiu da comunidade onde mora, cerca de 2 horas de barco, até o centro de Mocajuba para consultar o filho Ravi, de 3 meses. A criança está com uma secreção há cerca de 2 semanas. Ela enxergou na ação do Governo uma oportunidade de trazer a saúde do filho de volta: “Eu soube da ação por familiares. Até agora está indo tudo bem. O atendimento é excelente e muito caprichado. Como aqui na cidade a gente não tem acesso fácil ao atendimento pediátrico está sendo uma oportunidade ímpar”, esclareceu a mãe.

Além do atendimento médico, o projeto “Cidadania por Todo o Para”, por meio da Fundação ParáPaz, leva atendimento de esporte e cidadania. A ação tem o objetivo de concentrar no mesmo lugar diversos órgãos estaduais a fim de garantir acessibilidade a serviços essenciais à comunidade e conta com a parceria da Secretaria de Saúde (Sespa); Polícia Civil; Defensoria Pública além da Fundação ParáPaz.

Serviço:
A Fundação ParáPaz prossegue com a oferta de serviços para a população de Mocajuba até as 14h de hoje (23), na Escola Municipal Instituto Nossa Senhora das Graças, localizada na rua 15 de Novembro, s/n. Serão oferecidos atendimentos nas áreas de assistência, saúde, esporte e cidadania.

Por Evaldo Júnior (PC) (PC)