Sedeme vistoria espaço gastronômico da Usina da Paz, em Ananindeua

UsiPaz localizada no bairro do Icuí-Guajará irá abrigar curso de capacitação para batedores de açaí

16/08/2021 12h46 - Atualizada em 16/08/2021 13h33

Representantes da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia (Sedeme) e das Indústrias do Açaí realizaram uma visita, na manhã desta segunda-feira (16), nas obras da Usina da Paz do Icuí-Guajará, em Ananindeua. O objetivo foi conhecer as estruturas da UsiPaz e avaliar o espaço gastronômico, local onde será realizado o curso de capacitação para batedores de açaí.

“Essa visita é importante porque entramos em contato com o Governo do Estado, por meio da Sedeme, para participar dessa nova empreitada social que o Governo está fazendo. As empresas se disponibilizaram em doar todo o equipamento e maquinário para a sala de gastronomia e manipulação do açaí, então eles vieram dar uma olhada para saber se está tudo certo”, contou Erick Costa, consultor das indústrias do açaí.

Erick Costa, consultor das industrias de açaí.As empresas já definiram as máquinas que serão utilizadas para este serviço nas Usinas do Icuí e da Cabanagem. A equipe aproveitou para solicitar também algumas adaptações na sala de culinária do prédio da Usina. “A gente está na sala vistoriando todos os detalhes para saber se está de acordo com as exigências legais da Vigilância Sanitária e boas práticas de fabricação para estar adequado e ter um produto de qualidade na porta dos paraenses. Nossa avaliação é muito boa porque um projeto desse porte vai contribuir para o crescimento do Estado, principalmente para desenvolver e capacitar pessoas que estão precisando de instrução e novas ideias para inovar no mercado do açaí”, comentou Uberlândio Santos, representante da empresa Xingu Fruit.

A vistoria foi acompanhada por técnicos da Vale, empresa responsável pela obra, e representantes da Secretaria Estratégica de Articulação da Cidadania (Seac), órgão que coordena o projeto que integra o programa Territórios Pela Paz (TerPaz).

Capacitação

Em breve, o espaço estará pronto e equipado, e deverá ofertar diversos treinamentos e capacitações no ramo do açaí, para possíveis empreendedores da comunidade local, incentivando o empreendedorismo nessa área do açaí no estado do Pará.

Márcio Alfredo, coordenador da Sedeme no TerPaz“A intenção desse projeto da Sedeme é capacitar o maior número possível de pessoas de idade entre 15 e 29 anos. São pessoas que vêm de situação vulnerável, principalmente mulheres chefes de famílias, para que elas tenham renda, então, vão aprender, se capacitar e depois podem exercer esse trabalho fora, nas lojas de açaí, nessas empresas de produção de açaí”, explicou Marcio Alfredo, coordenador da Sedeme no TerPaz.

Ainda neste segundo semestre, a Sedeme também vai oferecer vários cursos paralelos na área de gastronomia, estética e moda, entre outros, em parceria com a Universidade da Amazônia (Unama) e a Universidade Estadual do Pará (Uepa) que serão disponibilizados para todos os moradores dos sete territórios atendidos pelo TerPaz. As inscrições serão divulgadas nas redes sociais da Seac.

Serviços

A previsão é que o equipamento público seja entregue até o final do ano. Entre os espaços, as UsiPaz terão complexos esportivos, salas de audiovisual, espaços de inclusão digital e vários serviços, como atendimento médico e odontológico, consultoria jurídica, emissão de documentos, ações de segurança, capacitação técnica e profissionalizante, espaço multiuso para feiras, eventos e encontros da comunidade. Também haverá espaços para cursos livres e de dança, teatro, robótica, artes marciais, musicalização e biblioteca.

Por Paulo Garcia (SEAC)