Sespa lança cartilha com orientações sobre saúde bucal a pessoas com deficiência

21/09/2021 18h06 - Atualizada em 21/09/2021 18h44

Organizada e editada pela Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), a “Cartilha de saúde bucal para pessoas com deficiência” foi lançada nesta terça-feira (21), durante as ações do governo do Pará ocorridas na sede da Fundação Cultural do Pará (Centur), em Belém, em alusão ao Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência, data que tem o objetivo de reconhecer, reafirmar e refletir sobre as políticas e ferramentas voltadas à inclusão deste público.

Para o secretário de Saúde do Pará, Rômulo Rodovalho, a orientação para a prevenção de doenças bucais, sobretudo a cárie, é essencial no exercício do cuidado prestado à pessoa com deficiência. “São alterações na coordenação motora, deficiências intelectuais, más formações físicas, entre outras, que podem ocasionar complicações na manutenção de uma boa saúde bucal. Nesse sentido, as ações preventivas tornam-se fundamentais, seja para o profissional quanto para a família do paciente”, destacou.

O conteúdo da Cartilha contém orientações técnicas sobre o que determina uma pessoa com deficiência (PCD), os tipos e o protocolo de atendimentos odontológicos, para que o cirurgião dentista esteja ciente de tranquilizar e condicionar o paciente a uma consulta segura, bem como aos responsáveis pelos pacientes, a fim de orientá-los sobre o controle dietético, em favor da prevenção de cárie dentária. 

“O atendimento ambulatorial deve ser sempre realizado em conjunto com a família e por profissional capacitado, normalmente com especialização na área. O apoio da família é essencial na conscientização da importância da boa saúde bucal desses pacientes”, aponta um dos trechos da publicação, a sétima a ser lançada pela Sespa para atender o segmento de políticas públicas. 

Segundo a coordenadora de Saúde Bucal da Sespa, Alessandra Amaral, lançar a cartilha em meio a uma programação voltada às pessoas com deficiência, foi um momento histórico por garantir, em documento e de forma inédita, orientações para uma melhor assistência em saúde bucal para a Pessoa com Deficiência de acordo com as especificidades dessa população, compreendendo cada caso e traçando estratégias para ofertar o melhor atendimento ao usuário dentro desse contexto. 

“A cartilha é importante para auxiliar na prevenção de doenças da boca em todos os pacientes com deficiência. Em breve, a lançaremos nas versões em libras e em braile”, adiantou Alessandra, que também responde pela coordenação do programa TerPaz pela Sespa. 

Na ocasião do lançamento da cartilha no Centur, a Sespa também ofertou serviços de saúde com realização de exames médicos, vacinação e cadastro para cadeira de rodas. “Ofertamos diversos serviços de saúde para esse público, com disponibilização de um posto de enfermagem, passando pela triagem com enfermeiros e técnicos de enfermagem, testes rápidos de hepatite B, C, Sífilis e HIV. Também tivemos a vacinação da gripe H1N1, a tríplice viral, palestras de higiene bucal e sobre Covid-19, entrega de cadeira de rodas e cadastramento de quem tem essa necessidade e demanda de equipamentos para deficiência”, explicou Alessandra Amaral.

Por Mozart Lira (SESPA)