Parcerias ajudam no atendimento transfusional de 2.220 pacientes internados na rede hospitalar

27/09/2021 16h02 - Atualizada em 27/09/2021 19h26

A doação de sangue, aos sábados, já caiu no gosto de voluntários da capital paraense e das unidades de coleta de sangue no interior do estado, que garantiu o comparecimento de 661 voluntários que resultaram em 555 coletas, que vão beneficiar cerca de 2.220 pacientes internados na rede hospitalar pública e privada. 

Em Belém, dia 25, se somadas a sede do Hemopa e a Unidade de Coleta Castanheira, houve registro de 257 voluntários, desses, 202 efetivaram a doação de sangue. O dia contou com a participação de vários grupos, entre eles, a Central Única das Favelas (Cufa), Campanha Amor em Foco, Caravana Concurseiros, Centro Integrado Primeiros Passos - CIPP, Caravana Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.

Entre as doações efetivadas, está da pedagoga, Valdiléia Silva Nascimento, 35, que tirei uma parte do seu sábado para fazer o bem, doando sangue na sede do Hemopa, em Batista Campos. “Me sinto muito grata ao ter doador de sangue e salvar vidas. É  melhor sensação do mundo. Se todos tivessem a oportunidade fazer o mesmo seria ótimo.

Parauapebas - Nos dias 25 e 26, foi realizada campanha de doação de pelo Hemocentro Regional de Marabá, em Parauapebas, que resultou em 293 comparecimentos e 255 coletas de bolsa de sangue, além de nove cadastros de medula óssea.

A ação estratégica foi realizada na Policlínica de Parauapebas e contou com as seguintes parcerias: Hospital Geral de Parauapebas, Secretaria Municipal de Saúde, Empresa Martin Engineering, Movimento Anjos da Débora de Parauapebas, Igreja Adventista de Parauapebas.

Santarém- No Hemocentro Regional de Santarém, o funcionamento no sábado registrou 71 comparecimentos e 64 bolsas, além de oito  cadastro de medula óssea.

Altamira - No Hemonúcleo de Altamira, a ação contou com 40  voluntários e 34 coletas.

Por Vera Rojas (HEMOPA)