Governo do Estado entrega contas pagas pelo programa "Água Pará"

O 'Água Pará' prevê o custeio do consumo de água durante o período de dois anos. O beneficiário deve estar inscrito Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal

30/09/2021 13h02 - Atualizada em 30/09/2021 13h34

Na manhã desta quinta-feira (30), o governador Helder Barbalho participou de um ato simbólico na sede da Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa), com a presença de 10 beneficiados pelo programa Água Pará. A partir de hoje, as demais pessoas que também foram contempladas começarão a receber as contas quitadas na própria residência. O programa beneficiará 235 mil famílias de baixa renda e/ou em situação de vulnerabilidade social, com o intuito de minimizar os efeitos causados pela pandemia do novo coronavírus.

Ruthilene Rodrigues“É fundamental que se tenha a sensibilidade e o mais que isso, que o Governo tenha como missão cuidar das pessoas, e por essa razão o programa Água Pará chega para assegurar que as famílias que tem o consumo de até 20m³ de água, que até então estavam inadimplentes ou até mesmo fazendo ligações irregulares por não ter renda, por ter dificuldades de quitar esse compromisso. A partir de agora o Governo do Estado junto com a Cosanpa fazem essa quitação, assim garantindo o acesso a água, esse bem tão fundamental para vida das pessoas. Cuidar dar pessoas deve ser nosso principal motivador diário de servir a nossa população, temos que olhar por aqueles que mais precisam, naquilo que cabe ao Estado, e o que cabe ao governo do Pará é a água, e nós estamos subsidiando para ajudar ao que mais precisam”, afirmou o governador do Estado, Helder Barbalho.

Juntamente com o Vale Gás, o Água Pará foi aprovado em sessão pela Assembleia Legislativa do Estado do Pará, e a lei que institui os programas foi sancionada no último dia 23 de setembro, já o decreto que os regulamenta foi publicado em edição extra do Diário Oficial do Estado do dia 28 de setembro.

“Nós estamos felizes, hoje representa um marco para Companhia, estamos dando início em um programa que a população é beneficiada com 20m³ de água, cada família contemplada ao final do mês não irá se preocupar com o risco de corte, receberá a sua conta quitada. O Governo do Estado nos apoiou e está de parabéns por essa iniciativa que já é vitoriosa desde o início do projeto. Com isso poderemos fazer com que a população mais carente possa ter uma tranquilidade com relação a conta de água. Para ser beneficiado, precisa estar Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e/ou no Bolsa Família e ter um consumo médio mensal de até 20 m³”, explicou o titular da Cosanpa, José Antonio de Angelis.

Ana Luiza e Ágata FerreiraRuhelene Silva recebeu a sua conta zerada hoje e contou que isso vai auxiliar muito na economia da sua casa. “O Água Pará será uma ótima ajuda para minha família, com o dinheiro que eu pagava a água, agora irei usar para comprar comida, assim melhorando um pouco a qualidade de vida da minha casa. Queria agradecer a Cosanpa e principalmente ao governador, muitos governantes passaram e não fizeram o que ele tem feito por nós”, declarou a dona de casa.

A gerência e fiscalização do programa serão por meio da Secretaria de Estado de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda (Seaster).

“Essa é mais uma iniciativa do Governo do Estado para mitigar os efeitos severos da pandemia e consequentemente que afetam a população, são programas importantíssimos, a água por ser um produto essencial para vida e muitas pessoas não estão conseguindo o acesso, esse programa pela Cosanpa em parceria pela Seaster e Governo do Estado é fundamental para dar esse apoio”, pontuou, o diretor de renda, cidadania e combate à pobreza, Ricardo Ganzer

Também estiveram presente no ato a secretária de Estado de Cultura, Ursula Vida; o secretário de Estado da Fazenda, René Souza Júnior; secretário de Estado de Turismo, André Dias; o presidente da Fundação Paraense de Radiodifusão, Binho Nascimento; e os deputados federais Elcione Barbalho e José Priante.

O 'Água Pará' prevê o custeio do consumo de água durante o período de dois anos. O beneficiário deve estar inscrito Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e registar um consumo médio mensal de até 20 metros cúbicos, apurado com base na média dos últimos seis meses. Aproximadamente 235 mil famílias serão contempladas.

Helena Silva“Esse benefício veio ajudar bastante, no final do mês tenho uma conta a menos para pagar, eu estava pagando em média R$70,00 e agora não vou mais me preocupar com a conta de água, já vou usar esse dinheiro para pagar outra dívida. O que o governador Helder Barbalho tem feito por nós é único, eu agradeço bastante por esse olhar”, disse uma beneficiárias do programa, Cleide Ferreira, moradora do Curió Utinga.

A relação de beneficiários contemplados já está disponível no site da Seaster, basta acessar https://www.seaster.pa.gov.br/. Vale ressaltar que diariamente os dados estão sendo cruzados e a lista atualizada.

Por Bianca Buenaño (COSANPA)