Qualifica Pará gera oportunidades para empreendedores em Santa Luzia

Programa qualificou 6.300 pessoas, incentivando a abertura de negócios próprios e a inserção ou reinserção no mercado

25/05/2022 14h41 - Atualizada em 25/05/2022 15h11

Turma de manutenção de aparelho celular Por meio da qualificação profissional, o Governo do Estado tem transformado a realidade de paraenses. Instituído em março deste ano de 2022, o programa "Qualifica Pará" surge como um dos maiores investimentos em qualificação profissional já realizados por uma gestão estadual. São R$ 60 milhões investidos em cursos de diferentes áreas, todos voltados à população paraense de baixa escolaridade ou em situação de vulnerabilidade social. 

Jhosy Kelly é a primeira mulher trans a ingressar no curso de culinária básica, em Santa Luzia do Pará. Ao receber o seu certificado, ela reforçou a realização de um sonho. "O governo realizou o sonho da minha vida. Sou a primeira mulher trans a realizar o curso de culinária básica aqui em Santa Luzia, o qual veio só aprimorar o meu profissionalismo. Eu já trabalhava nessa área e o 'Qualifica' veio para me ajudar a abrir o leque de conhecimentos, principalmente, com a questão de massas e alguns outros temperos. Eu já penso no meu empreendimento, ele vai chamar Quiosque da Kelly", contou com entusiamo. A aluna Jhosy Kelly: "Eu já penso no meu empreendimento, ele vai chamar Quiosque da Kelly", disse ela

 Na última semana, o programa certificou concluintes nas cidades de Soure, Limoeiro do Ajuru, Mãe do Rio e Floresta do Araguaia. Já em Santa Luzia  100  alumos receberam o certificado, concluintes dos cursos de mecânica de motocicleta, manutenção de celular, manipulação e beneficiamento de frutas e açaí, culinária básica e horticultura orgânica. 

"Eu costumo dizer que o maior bem que o ser humano carrega é o conhecimento, ele é um  patrimônio pessoal dos mais importantes. Daí a nossa exigência na entrega de cursos com qualidade, para que todos os alunos sejam incentivados pela educação, pela busca à informação.  Os cursos são só começo. Continuem estudando, continuem se qualificando com motivação e disciplina. Estamos trabalhando por todo o Pará, certificando pessoas e muito felizes pelo trabalho que tem gerado resultado na vida das pessoas" declarou o titular da Seaster, Inocencio Gasparim.

André Magalhães: "Curso veio somar".André Magalhães é empreendedor no município, ele conta que já possui uma loja de acessórios, fez o curso de manutenção de celular e agora vai ampliar os serviços para os clientes. "Esse curso veio somar com um empreendimento que eu já tenho, que é a venda de acessórios para celular, Agora vou conseguir agregar mais um serviço que é o de manutenção. A juventude aqui de Santa Luzia precisa de oportunidade, aqui foram muitos os que concluíram as turmas e que antes estavam sem nenhuma atividades, e agora através desse aprendizado irão prestar algum tipo de serviço dentro da sua própria comunidade. Isso é fundamental", reforçou. 

O programa dispõe de 45 tipos de cursos, entre eles estão mecânica de motocicleta, mecânica de motor a diesel, manutenção de celular, manipulação e beneficiamento de frutas, culinária básica, horticultura orgânica, panificação e confeitaria, cabeleireiro, eletricista, agente de portaria, camareira, habilidade em salão de beleza, chapista, vendedor de comércio e varejo, marcenaria básica e outros. 

Para mais informações sobre a iniciativa e acesso ao microcrédito destinado aos alunos, basta acessar o site da secretaria: www.seaster.pa.gob.br. 

Por Camila Santos (SEASTER)