Governo estreita diálogo com Ministério Público de Contas do Estado

A gestão correta dos recursos públicos foi um dos temas do encontro entre o chefe do Executivo, a atual procuradora-geral e o próximo titular do órgão

16/01/2020 19h48 - Atualizada em 16/01/2020 20h23
Por Dayane Baía (SECOM)

O governador Helder Barbalho recebeu nesta quinta-feira (16), no Palácio do Governo, em Belém, a visita institucional de Silaine Vendramin e Guilherme Sperry, respectivamente a atual procuradora-geral do Ministério Público de Contas do Estado do Pará (MPC-PA) e o próximo titular do cargo, para tratar sobre vários temas, como a importância da gestão correta dos recursos públicos. “Nós devemos trabalhar de forma colaborativa, de maneira conjunta. Seguramente, o trabalho e a experiência do Ministério Público de Contas são extremamente relevantes para que o Governo do Estado tenha a capacidade de bem gerir as contas e os recursos, como também no aperfeiçoamento da entrega de serviços e obras à população”, afirmou o governador.

Governador Helder Barbalho (d), a procuradora-geral Silaine Vendramin (e) e o próximo procurador, Guilherme Sperry

O novo procurador-geral, Guilherme Sperry, deve ser empossado no dia 14 de fevereiro, iniciando a gestão à frente do MPC-PA em março. “Desejo muito sucesso, que o Ministério Público de Contas continue com êxito, com o belo trabalho que está sendo realizado, e que nós possamos, cada vez mais, aprimorar as parcerias para garantir que o serviço público do Pará seja de excelência”, reiterou Helder Barbalho.

A expectativa da nova gestão é dar continuidade ao trabalho já iniciado. “Foi feito o planejamento estratégico da instituição. Então, vamos dar sequência. Temos ainda a chegada dos novos servidores, da nova procuradora, e informatização do órgão para reverter em melhorias na prestação de serviços do Ministério Público de Contas. Em relação ao governo, pretendemos manter uma parceria colaborativa, atuar de forma preventiva em eventual correção de erros e colaborar na execução fiscal, na melhoria da arrecadação de recursos que foram desviados, com ganho no retorno do recurso público aos cofres do Estado”, ressaltou Guilherme Sperry.

A procuradora Silaine Vendramin disse que a transição da gestão é tranquila. “A cada gestão temos a missão de melhorar. Estivemos focados no aprimoramento funcional, realizamos o concurso para servidores, e a ideia é sempre trazer novos serviços para a sociedade, e que funcionem cada vez melhor”, afirmou Silaine Vendramin.