Governo entrega iluminação recuperada no prolongamento da João Paulo II 

Com início na rua Mariano até o viaduto do Coqueiro, os quase 5 km do trecho do prolongamento ganharam 214 novas luminárias, 18 novas caixas de painel de controle de operação das luminárias entre outros serviços

02/07/2020 12h53
Por Michelle Daniel (NGTM)

“Ficou muito bom. A gente ficava com medo de andar por aqui à noite’’. O autônomo Luiz Braga, de 47 anos, morador do bairro da Guanabara, sintetiza o sentimento de centenas de pessoas que regularmente circulam pela avenida João Paulo II, no trecho do prolongamento da via agora com iluminação pública recuperada por completo.

Foram três meses de trabalhos, durante a pandemia, para que o Governo do Pará, por meio do Núcleo de Gerenciamento de Transporte Metropolitano (NGTM), recuperasse a iluminação pública do setor, comprometido por inúmeros furtos de fiação e luminárias em diversos pontos, que ficavam na escuridão.

O serviço assegurou 214 novas luminárias, 18 novas caixas de painel de controle de operação das luminárias e 8.900 metros de cabos de cobre ao longo dos quase 5 km. O trecho do prolongamento começa na rua Mariano e segue até o viaduto do Coqueiro. Toda a iluminação da ponte e corredor de transporte foi recuperada. Nos próximos 15 dias, será feita a instalação da iluminação nas passarelas de pedestres.

Moradores de bairros como Castanheira e Guanarbara que regularmente usam a via aprovaram a revitalização da iluminação Diretor-geral do Núcleo de Gerenciamento de Transporte Metropolitano, Eduardo Ribeiro destacou: “o Estado fez a sua parte em recuperar a iluminação na via. A via é um patrimônio da população, por isso, é importante que a comunidade esteja atenta caso constate irregularidades, como os furtos, e denuncie à polícia”.

“O sistema de iluminação é fundamental e faz parte da segurança na via para todos os usuários, tanto para motoristas como pedestres”, acrescentou o diretor Eduardo Ribeiro. O número do Disque Denúncia é 181, ferramenta do Sistema de Segurança Pública do Pará. O sigilo é garantido.

Eduardo Ribeiro destaca ainda que, com o término do serviço, o Governo, por meio do NGTM, passará a responsabilidade da manutenção da iluminação pública no trecho do prolongamento da João Paulo II às prefeituras municipais de Belém e Ananindeua, autoridades competentes por essa atribuição, por se tratar de um corredor que atravessa os dois municípios.

Para o autônomo Luiz Braga, a obra não poderia gerar resultado melhor. “Era ruim até mesmo para os motoristas, porque ‘tava’ tudo escuro. Agora, com tudo claro, a gente sente um pouco mais de segurança”.

A professora Maria Ana Silva, de 58 anos, moradora do bairro Castanheira, também aprovou o trabalho. “Ficamos felizes em ver a avenida toda iluminada novamente. Fica tudo mais bonito. Sem dúvida, hoje, as pessoas saem para caminhar, andar de bicicleta e até mesmo quem passa aqui de carro, com mais segurança”.