Estado amplia atendimento para casos leves e moderados de Covid-19

Serviço está assegurado nos bairros do Jurunas e Cabanagem, nesse último, funciona na Escola Estadual José Valente Ribeiro, já neste fim de semana

07/11/2020 14h25 - Atualizada em 09/11/2020 09h58
Por Caroliny Pinho (SESPA)

O governador Helder Barbalho visitou neste sábado (7) a Policlínica no estacionamento do Hangar, onde foram feitos 84 atendimentos O Governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Saúde pública (Sespa), abriu neste sábado (7) mais um ponto para o atendimento de casos leves e moderados de Covid-19 e outras síndromes gripais. O atendimento desta vez é assegurado no bairro da Cabanagem, na Escola Estadual José Valente Ribeiro, em Belém. O serviço está pronto para atender aos moradores locais e de bairros próximos.

"Nós temos que estar atentos para cuidar das pessoas ao tempo da necessidade em saúde. Nós aprendemos ao longo desta pandemia estratégias que seguramente foram exitosas e nos permitiu salvar milhares de vidas. No momento em que há uma identificação de aumento de infecções, mesmo que o sistema hospitalar do Estado esteja sob controle, nós temos que ter o cuidado de fazer o diagnóstico e o tratamento no tempo certo para evitar o agravamento da doença. A estratégia de criação das Políclinicas foi sem dúvida um das coisas mais bem-sucedidas que tivemos a oportunidade de implantar durante a pandemia da Covid”, disse o governador Helder Barbalho.

Sespa assegura que a determinação é ter pontos em bairros populosos e estratégicos para que todos que precisem recebam assistênciaO secretário de Saúde, Rômulo Rodovalho enfatizou que, "a intenção com esse novo ponto de atendimento é prestar a assistência que a população precisa. A ideia é ter pontos em bairros populosos e estratégicos para que todos que precisem recebam acompanhamento médico".

O atendimento no bairro da Cabanagem será sempre de 8h às 17h, de segunda a sexta-feira. Excepcionalmente, acontece também neste final de semana. Durante a manhã, foram atendidas 51 pessoas.

“Recebemos hoje pela manhã pacientes com suspeitas de casos leves e moderados de covid-19. Esses pacientes receberam acolhimento, passaram pela triagem e depois foram encaminhados aos médicos. O diferencial do nosso atendimento é a humanização, pois nós acreditamos que isso já ajuda o paciente que está preocupado e fragilizado pela doença”, afirma Alessandra Amaral, coordenadora da ação. 

O atendimento é feito por demanda espontânea. O paciente chega e logo é encaminhado para a triagem. De lá, se necessário, é encaminhado ao médico que, constatando necessidade, o indicará para exames complementares. Em caso de suspeita de Covid-19, o paciente recebe o kit de medicamentos para dar seguimento ao tratamento em casa. O resultado do PCR sai em até cinco dias. A equipe responsável liga para o paciente para que busque o resultado e, se o exame for positivo, a pessoa volta para o médico e continua o atendimento com a equipe. 

Jurunas 

Na próxima segunda-feira (9), o Governo do Estado iniciará mais um atendimento da Policlínica Itinerante, desta vez, no bairro do Jurunas, em Belém. O local escolhido foi a Escola Estadual Arthur Porto que atenderá a população conforme os protocolos das demais unidades. Além do diagnóstico, haverá também a entrega de máscaras, escovas dentais e orientações sobre os protocolos de higiene para se evitar a doença.

Policlínica do Hangar

Neste sábado (7), o governador Helder Barbalho visitou a Policlínica instalada no estacionamento do Hangar. Pela manhã, a equipe realizou 84 atendimentos, o que mostra uma movimentação tranquila.