Protocolo de intenções garante pós-graduação para servidores da Emater

13/04/2021 16h33 - Atualizada em 13/04/2021 16h49

A Escola de Governança Pública do Estado do Pará (EGPA) e a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (Emater) assinaram, nesta terça-feira (13), um protocolo de intenções para o curso de especialização em Gestão Pública em Extensão Rural e Desenvolvimento Sustentável, uma pós-graduação para atender os servidores que atuam na Emater. Hoje, 379 profissionais da instituição podem concorrer às vagas que serão ofertadas. 

O grupo de trabalho, organizado com servidores das duas instituições parceiras, já está desenvolvendo o plano pedagógico do curso, previsto para ser executado totalmente na modalidade de ensino a distância, pelo novo Ambiente Virtual de Aprendizagem da EGPA. 

Coordenadora Rose Leão“Vamos qualificar 200 servidores em um curso que trará conhecimento prático e teórico e este curso tem a novidade de ser a primeira oferta de pós-graduação da EGPA em EaD”, explica a coordenadora do Centro de Pós-Graduação da EGPA, Rose Leão. 

A proposta de especialização está pautada nas várias dimensões do desenvolvimento sustentável, nos princípios da agroecologia e nas políticas públicas voltadas para o fortalecimento da agricultura familiar nos municípios e comunidades rurais da área de atuação da Empresa.

Para a presidente da Emater, Cleide Amorim, a capacitação trará benefícios para o desenvolvimento do trabalho. “Esta parceria foi sonhada há muito tempo, o projeto é pioneiro e vamos trabalhar tanto a gestão pública quanto a extensão rural. O melhor de tudo é as duas instituições trabalharem juntas, como Governo do Estado, para levar aos nossos servidores mais uma opção de treinamento, desenvolvendo mais conhecimentos técnicos dentro de uma área em que a prática já é o dia a dia de trabalho da Emater”.

Presidente da Emater, Cleide AmorimCursos in company – Além dos cursos livres e pós-graduações ofertadas pela Escola de Governança para os servidores em geral, a EGPA também realiza qualificações em parceria com os órgãos solicitantes. São cursos formatados para atender as necessidades pontuais de cada área, com carga horária e conteúdo programático diferenciado, além da formatação de palestras, oficinas e eventos específicos para os temas solicitados.

Por Isabela Quirino (EGPA)