Hospital Jean Bitar recebe 'Prêmio Amigo do Meio Ambiente' por iniciativas sustentáveis

A Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo, promotora da premiação, reconheceu o Projeto Reciclação da unidade hospitalar do governo do Pará

30/11/2021 13h15 - Atualizada em 30/11/2021 21h56

Colaborador de cooperativa coleta o óleo de cozinha do Hospital Jean Bitar, evitando assim a poluição ao meio ambienteO Hospital Jean Bitar (HJB), em Belém, recebeu, recentemente, o certificado "Amigo do Meio Ambiente - Prêmio 2021", evento que fez parte da programação da XIV edição do Seminário Hospitais Sustentáveis (SHS) 2021. O reconhecimento foi recebido pelas ações sustentáveis realizadas na instituição, por meio do Projeto Reciclação. A premiação promovida pela Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo, tem o objetivo de estimular iniciativas sustentáveis no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS) em todo o Brasil. Nessa edição, foram inscritas 85 iniciativas e as 15 melhores receberam o certificado de “Amigo do Meio Ambiente”.  O Projeto Reciclação é uma dessas iniciativas reconhecidas com a honraria.

Criado em 2017, como uma das ações do Plano de Gerenciamento de Resíduos de Serviços de Saúde (PGRSS) do HJB, o Projeto Reciclação sensibiliza colaboradores e usuários do hospital sobre a importância da seleção e reciclagem de materiais como papel, copos e outros descartáveis de plástico, para incentivar o seu uso racional, com o intuito de evitar desperdícios e redução do volume de resíduos hospitalares. No HJB, muitos dos materiais em desuso são transformados e recebem uma nova utilidade.

Conforme informou o supervisor de Manutenção do HJB, Waldecir Castro Viana, um dos membros do Reciclação que atua no reaproveitamento de materiais - as atividades de reaproveitamento e reciclagem auxiliam o meio ambiente e reduzem custos ao hospital. Mas, segundo ele, “o maior ganho está na conscientização dos colaboradores, que cada vez mais adquirem senso de reaproveitamento e de uso racional dos recursos naturais”, observa.Jean Bitar tem lixeiras feitas a partir de baldes de tinta

No Hospital Jean Bitar, por meio do Reciclação, colaboradores sugerem ações e ideias de reaproveitamento. Um exemplo disso, são os colaboradores da manutenção, que reaproveitam itens sem utilidade. Luminárias são transformadas por eles, em claviculários; válvulas hidráulicas, passam a ser reutilizadas como bases de molduras; assim como acrílicos de luminárias que são reaproveitadas e assumem a função de quadros de avisos. Outra ação do setor que contribuiu com a redução de energia, foi um levantamento técnico para comprovar a necessidade de substituir lâmpadas halogênicas (incandescentes) e fluorescentes, por luminárias de led’s. As substituições alcançaram os objetivos, tanto com a redução de custos quanto com a redução do uso do recurso natural; assim como as instalações de termostatos e times temporizadores, em equipamentos elétricos.

Com relação às atividades do Projeto Reciclação deste ano de 2021, baldes de tintas foram transformados em lixeira de papel; tubos de papel higiênicos, em lixeirinhas de mesa para serem usadas no descarte de materiais perfurocortantes administrativos como, clipes e grampos de grampeadores, entre outros similares. Está prevista ainda para o próximo mês, a realização de mais uma oficina com material reciclado para criação de brindes, que serão entregues junto aos brinquedos que os colaboradores irão doar neste Natal para os filhos das famílias da cooperativa que recebe a doação dos materiais recicláveis gerados na instituição.

Coleta autorizada de óleo no Hospital Jean BitarDe acordo com o presidente da comissão PGRSS, gerente Administrativo e Financeiro, Eduardo Pereira, “o Projeto Reciclação tem como objetivo principal, trazer à consciência ambiental todos os profissionais do âmbito hospitalar. Para tanto, nossa equipe busca estar alinhada às ações no controle dos resíduos gerados, bem como às práticas que possam trazer a diminuição da geração dos resíduos e também a outras práticas aqui demonstradas, que trazem benefícios ao meio ambiente e, consequentemente, ao futuro das novas gerações.”, destaca o presidente.

Para a vice-presidente do PGRSS, coordenadora de Apoio, Gleiciane Lopes, para realizar o trabalho de sensibilização sobre ações e atitudes que todos devem ter para preservar o meio ambiente, são realizadas no HJB, para colaboradores e usuários, oficinas de reciclagens; palestras de conscientização sobre o uso racional de energia elétrica e água; visitas nos setores, para rever novos materiais que possam ser reciclados, além de campanhas de sustentabilidade, onde são massificadas internamente, informações alusivas ao uso consciente desses recursos.

“Com o Projeto Reciclação, há a busca contínua por atividades de baixo impacto ambiental no hospital, e pela conscientização de nossos colaboradores e usuários sobre a importância da separação de resíduos de acordo com a classificação de cada um; do uso consciente dos nossos recursos naturais para evitar desperdícios e reduzir o volume de resíduos produzidos no hospital, assim como melhorar o entendimento de todos com relação a coleta de recicláveis. Nosso intuito é despertar a consciência ambiental, além de sensibilizar a todos para que pensem sobre qual planeta deixaremos para as próximas gerações, considerando a sustentabilidade. Dessa forma, pretende-se com o Reciclação, ensinar que nem tudo que se diz lixo é lixo de fato. Podemos reaproveitar e ainda ajudar outras pessoas fora do hospital”, ressalta a coordenadora.

DOAÇÕES

Entre os anos de 2019 e 2021, foram doados 31.197, 333 quilos de materiais recicláveis, (papelão, papel, bombonas, baterias, pilhas, plástico e cobre); 169 litros de óleo, entre óleos de cozinha, de equipamentos, e automotivo; e 147 unidades de materiais como compressores, botijões de gás de ar condicionado, motores ventiladores, cilindros de refrigeração, alumínios e lixeiras plásticas.

Conforme o diretor Executivo do HJB, Giovani Merenda, além de plantar sementes em busca da sensibilização e conscientização para a construção de uma consciência ambiental entre os colaboradores e usuários, com as doações de materiais recicláveis, o Reciclação atua fora da instituição, ajudando pessoas que trabalham com reciclagem como meio de manter o sustento de suas famílias.

“Com as nossas ações sustentáveis, alertamos colaboradores e usuários sobre o quanto é importante as atitudes de cada um para a preservação do meio ambiente, como forma de preservação da saúde e da vida no Planeta. Além da atuação no âmbito hospitalar, com o envolvimento dos colaboradores do HJB, o Reciclação, por meio das nossas doações de materiais recicláveis, beneficia diretamente cerca de 60 famílias coletoras desses materiais, que atuam em cooperativas e núcleos de reciclagem de Belém. Saber que a nossa contribuição com a preservação do meio ambiente não se restringe apenas ao Hospital Jean Bitar nos traz grande satisfação”, destacou o diretor.

*Texto de Joelza Silva

Por Governo do Pará (SECOM)